Você adicionou um produto ao carrinho
Continuar Comprando! Fechar Compra!

L - Glutamina 500mg 120 Cápsulas

REF: 0173

Por
R$
65,00

ou em até 12 X com juros

Total de 1 item

Por R$ 65,00 à vista

ou 12x de R$ 6,26

Carregando...

Descrição do produto

L - GLUTAMINA 500MG 120 CÁPSULAS

O QUE É GLUTAMINA?
A glutamina é um aminoácido condicionalmente essencial e estima-se que aproximadamente 60% de todos os aminoácidos livres no corpo estão na forma de glutamina, sendo o músculo o órgão de maior armazenamento. Denominam a glutamina como "condicionalmente essencial", pois ele precisa estar presentes em determinadas e muito importantes condições, como quando há sua depleção (diminuição).

O QUE A GLUTAMINA FAZ?
A glutamina é a proteína mais abundante no nosso corpo e é sintetizada a partir das necessidades do organismo. Esse aminoácido corresponde a 20% do total de aminoácidos e essa quantidade é 2 vezes maior que a alanina. Ela é desenvolvida a partir de 3 substâncias: ácido glutâmico (o grupo amida), valina e isoleucina. Para ser metabolizada, duas enzimas são necessárias sendo uma delas a glutamina sintetase, fazendo a interação do glutamato com a amônia e a outra, é a glutaminase. A síntese da glutamina ocorre, em primeiro lugar e principalmente, nos músculos, mas também está presente em outros locais como fígado e cérebro.

PRINCIPAIS FUNÇÕES E BENEFÍCIOS DA GLUTAMINA
A glutamina é tão importante para o bom funcionamento do corpo que diversos nutricionista não a consideram como não essencial. Ela participa de forma relevante na síntese de outros aminoácidos e ajuda a manter a homeostase dos tecidos durante o processo de catabolismo. Outras funções importantes inerentes à glutamina é o fato dela conseguir liberar quantidades extras de hormônios na corrente sanguínea, como a testosterona, por exemplo.

A glutamina também possui importante papel na produção de glicose. Devido ao fato de ter 2 grupos amina ela é ideal para a formação de outros aminoácidos. A glutamina presente no músculo doa um radical amina para o ácido pirúvico. A partir daí um aminoácido chamado alanina será formado, transportado para o fígado, onde será metabolizado produzindo glicose. Sendo assim, a glutamina é de vital importância para a produção de energia por parte do organismo.Manter um pH sanguíneo adequado, ou seja, dentro da faixa de 7.35 a 7.45 é de vital importância. Para que todos os nossos órgãos possam funcionar da maneira correta é necessário que haja um pH ótimo. A glutamina também ajuda a manter esses valores ideais. Se há um excesso de H+ no corpo, podendo gerar acidose, esse elemento junta-se ao grupo amina da glutamina e pode ser excretado pela urina evitando possíveis problemas na homeostase.

PARA QUE SERVE A GLUTAMINA?
Atua como substrato para síntese de células de divisão rápida (enterócitos, linfócitos e fibroblastos) e como combustível respiratório primário, sendo um nutriente energético às células imunológicas. As células de divisão rápida fazem parte de tecidos que se renovam mais rápido que os outros, por exemplo, a mucosa do intestino que se renova a cada 3 dias, ou a medula óssea que sempre está formando glóbulos vermelhos e brancos para nosso sistema imunológico e circulação. A glutamina é extremamente importante para manutenção da saúde do tecido que reveste todo o intestino. Sendo assim, fundamental para que o sistema imunológico permaneça saudável.

É uma das proteínas mais abundantes no nosso corpo. Ela é sintetizada a partir do código genético sendo assim, é classificada como não essencial. A glutamina possui diversas funções importantes no como, por exemplo, ser fonte de energia para o sistema imune e participar de forma direta e ativa no crescimento muscular através da estimulação da síntese de proteínas.

A IMPORTÂNCIA FISIOLÓGICA DA GLUTAMINA
Apesar da Glutamina ser classificada pela literatura científica como um aminoácido não essencial, não quer dizer que ela não seja essencial para nosso organismo, pelo contrário, ela realiza funções vitais para o bom funcionamento de diversos órgãos como pulmões, coração, rim, fígado e intestino. Representando 20% do total de aminoácidos livres no plasma. Nosso organismo também utiliza a Glutamina para o transporte de amônia e nitrogênio pela corrente sanguínea, e é por esse motivo que é necessário manter sempre constante a quantidade de Glutamina no sangue. Além de ser também uma fonte primária de energia para o nosso sistema imunológico, concluindo que sua escassez no organismo pode aumentar a incidência de doenças.

Ela também é necessária para a absorção e a proliferação de células intestinais, prevenindo a deterioração do intestino, além de normalizar a permeabilidade e integridade do mesmo. Para atletas de atividades físicas de alta intensidade e principalmente praticantes de musculação, a Glutamina tem auxiliado muito na recuperação após os treinos, evitando o catabolismo e o overtraining, pois apesar da Glutamina ser produzida pelo corpo e representar praticamente 60% do tecido muscular esquelético, ainda a necessidade de seu consumo através da suplementação, já que a demanda de Glutamina nos músculos é muito maior do que o corpo é capaz de produzir nos casos desses atletas. Mas preste atenção, como sempre citamos aqui no Treino Mestre, em caso de pessoas que praticam atividades físicas regularmente, apenas 3 ou 4 vezes na semana, corridas leves, você deve se preocupar e focar apenas na sua dieta quando o assunto for nutrição. Agora quando você frequenta a academia diariamente, e ainda combinado com outros exercícios físicos principalmente os aeróbicos como natação, corridas e as lutas marciais que ainda combinam aeróbicos e anaeróbicos, você passa a exigir mais do seu corpo, ai sim a necessidade de um complemento e é ai que entram os suplementos citados no site como: Whey Protein, Albumina, Creatina, e claro a Glutamina tratada aqui nesse artigo.

Especificação
Importante para atletas de força ou resistência, é essencial para o crescimento e construção dos músculos. É também combustível para células intestinais e cerebrais.

Advertência
"Se persistirem os sintomas, o medico ou farmacêutico deverá ser consultado"
"Evite a automedicação. O medicamento mesmo livre de obrigação de prescrição médica merece cuidado"
"As indicações postas não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto"
"Consulte sempre um especialista"
"As imagens postas são meramente ilustrativas"
"As indicações dos produtos são baseadas no conhecimento científico do profissional farmacêutico e laudos de aquisição dos produtos junto aos fornecedores autorizados pela Anvisa"

Benefícios
• Manutenção do sistema imune;
• Regula a síntese e degradação das proteínas;
• Remove o excesso de amônia e nitrogênio do corpo;
• Controla os processos de catabolismo e anabolismo;

Composição
Porção: 1 Cápsula
L-Glutamina - 500Mg

Modo de usar
Tomar 2 cápsulas entre as refeições, 30-45 minutos antes do treino e após os treinos ou conforme orientação profissional.

Avaliações de Clientes

Confira o que dizem nossos clientes que adquiriram este produto.

Média

0

0 Avaliações

Avaliar produto
Ainda não temos nenhuma avaliação para o produto L - Glutamina 500mg 120 Cápsulas

Avalie o produto

Preencha o formulário abaixo para avaliar

X

Talvez você goste: